Aikido é uma arte marcial originária do Japão, criada pelo mestre Morihei Ueshiba (1883-1969), que concentrou nela toda a essência de um conjunto de artes marciais japonesas (Budô).

O Aikido é um Budo (arte marcial) criado por Morihei Ueshiba que veio a falecer em 1969, tendo seu filho Kishomaru Ueshiba proclamado o primeiro Doshu do Aikido e atualmente é o neto Moriteru Ueshiba que ocupa essa posição. A fundação Aikikai oficialmente reconhecida pelo governo Japonês em 1940 foi fundada para preservar e promover os ideais do verdadeiro Aikido criado pelo Kaiso (Fundador).

O Aikikai é a Sede Mundial Oficial para o desenvolvimento do Aikido através do mundo. No Brasil, a Confederação Brasileira de Aikido – Brazil Aikikai está oficialmente reconhecida pela central japonesa para realizar os mesmos propósitos. Um budo genuinamente puro acontece com a unificação entre a técnica, o corpo e o espírito (emoções e mente). Quando este Budo se manifesta ele não depende da técnica mas da essência de cada praticante. O objetivo do Aikido é fazer com que o aikidoista consiga desenvolver uma forma de pensar e de agir verdadeira e natural através deste espírito.

Fonte: aikikai.org.br

Por Fernando Cabral

Um homem predestinado a mudar o conceito de arte marcial e propagar uma ideia, no mínimo, necessária nos dias de hoje em que a violência assume proporções alarmantes não só no plano físico mas também no intelectual-político. Morihei Ueshiba foi uma criança frágil e muito sensível. Na infância gostava de ler e se dedicou aos estudos com afinco não só as disciplinas que mais gostava como física e matemática mas também os clásssicos da literatura chinesa e técnicas como o chinkon. Pelo que se pode constatar, o menino tinha um lado espiritual muito forte. Há depoimentos de famililares a respeito dessa natureza peculiar do mestre Ueshiba quando criança. Uma certa feita, quase ingressou na vida sacerdotal incentivado pela sua mãe ao observar o fascínio que seu filho possuia pelos relatos dos milagres de Kobo Daishi. Porém, o pai Yoroku o levou rapidamente a ingressar nas artes mariciais a fim de não ver seu filho se tornar um jovem sacerdote.

O interessante dessa história é que foi por causa do estado de saúde do próprio pai Yoroku e posteriormente do seu falecimento que Morihei Ueshiba encontrou consolo na religião Omoto-Kyo e consequentemente a identificação com seus ensinamentos e crenças. Nesse período teve como seu mentor o mais novo líder espiritual da seita, Onisaburo Deguchi que, além de o confortar, sugeriu criar seu próprio método e abrir sua escola a partir dos ensinamentos orientados. Assim, Ueshiba se tornando um mestre nessa arte poderia com clareza transitar entres os mundos divino, espiritual e material.

A influência de Deguchi foi tão importante na vida do talentoso mestre do Aikido que o fez viajar para a Manchúria na China com o intuito de edificar uma nova civilização alicerçada na Verdade, Bem e Belo, mais comumente chamado de Paraíso Terrestre. Mas como esse assunto sai um pouco do foco, ficarei por aqui e vou me ater apenas ao aspecto que o levou a escolher as artes marciais com as quais deveria empenhar suas energias que foram o jujutsu e o kenjutsu. Para surpresa de todos a arte marcial menos indicada, segundo Onisaburo, para a nova caminhada do Fundador foi o Jujutsu Daito-Ryu do seu respeitoso e admirável mestre Sokaku Takeda (1859-1943) por não possuir em seu caráter originário elementos que favorecessem a união do homem com Deus.

Com todos esses fatos citados pude observar que a criação do Aikido recebeu influência de diversos setores da vida do fundador, da família, das artes marciais e da religião. A começar pelo pai Yoroku que introduziu a marcialidade no curriculum do menino Ueshiba, a sua mãe que quase o transformou num jovem sacerdote e não menos importante, mas que atribuiu o toque final e direção a propositura do O´sensei, a figura carismática de Deguchi que o atraiu para uma nova filosofia de vida que o fez pensar na criação de uma nova arte que pudesse melhorar o gênero humano com o objetivo de estabeler a harmonia entre os povos.

Fernando José Rudeski Cabral

Faixa Preta formado pelo Sensei Valdenberg

Aracaju/SE, 2020

ASSOCIAÇÃO SERGIPANA DE AIKIDO

  • Facebook
  • Twitter
  • YouTube
  • Pinterest
  • Tumblr Social Icon
  • Instagram

Whatsapp:

(79) 9 9989-9242

(79) 9 9144-4329

contato: asaik.aracaju@gmail.com

© 2019 ASAIK por Websamura